Tudo Sobre Massagem

Aproveite o prazer do sexo tântrico

Como aproveitar sua vida? Aprecie o amor. Como aproveitar o amor? Goste de fazer amor. Como gostar de fazer amor? Aprenda o segredo do sexo tântrico.

Hoje, eu gostaria de falar sobre sexo com posições tântricas.

O tantra não significa apenas o ato sexual, como muitas pessoas entendem, mas ele deve ser visto como uma arte, extremamente complexa, e também inefável através dos estados de êxtase que os dois amantes têm quando se unem amorosamente.

O foco na fusão amorosa tântrica é colocado nas posturas sexuais amorosas realizadas no ambiente mais íntimo e profundamente relaxante, usando “ingredientes” afrodisíacos e fazendo ações ritualizadas que trazem um estado sagrado durante o sexo e ajudam o casal a perceber com grande facilidade o controle das energias sexuais, aplicando técnicas de respiração, de visualização criativa, entre outras.

Abaixo descreveremos algumas posturas tântricas amorosas que são usadas com mais frequência durante os “jogos eróticos”.

As cinco posturas básicas do amor espiritual são:

  1. Mulher no topo;
  2. Homem no topo;
  3. Posturas laterais;
  4. Posturas na posição sentada;
  5. Posturas nas quais a mulher está sentada com as costas voltadas para o homem.

É claro que há muitas variações para essas posturas sexuais básicas: a posição em pé, de pé com a cabeça abaixada, a posição “de quatro”, entre outras.

Na arte do amor tântrico, geralmente são encontradas cinco posturas sexuais mais “elaboradas”. Estamos falando sobre as posturas orais-genitais, que são:

  • A mulher em pé, agachada ou sentada sobre o homem, de frente para ele, sua vagina tocando a boca dele;
  • O homem de pé, agachado ou em posição sentada, e a mulher ajoelhada ou sentada, de frente para ele, brincando com seu pênis;
  • O homem e a mulher na postura 69, em contato oral-genital recíproco, estando a mulher por cima do homem;
  • O homem e a mulher na postura 69, em contato oral-genital recíproco, estando o homem por cima da mulher;
  • O homem estando deitado ou sentado; a mulher está de pé, está sentada ou ajoelhada sobre ele, de costas para ele, de modo que seu rosto esteja voltado para os pés do parceiro.

Tendo em vista que a mulher precisa de muito mais tempo do que o homem para atingir o orgasmo, recomenda-se que as primeiras posturas sexuais adotadas sejam aquelas que dão ao máximo estímulo da mulher.

Estas posturas variam de uma pessoa para outra, de modo que é recomendável praticar todas durante um tempo, a fim de descobrir quais são as posturas mais excitantes.

Os homens geralmente são excitados muito mais rapidamente e muitas vezes atingem o orgasmo de forma rápida também.

No caso deles, eles têm que escolher inicialmente a postura que gera o mínimo de estimulação física, a fim de permitir que eles controlem perfeitamente a energia sexual.

A maioria dos homens ocidentais acredita que eles realmente têm que provar sua masculinidade, razão pela qual eles tentam ser amantes enérgicos e vigorosos. Muitas vezes eles assumem o papel dominante e acreditam que vão satisfazer melhor sua parceira por penetração poderosa.

Entretanto, isso os faz ejacular antes que a parceira esteja completamente satisfeita, ou até mesmo antes dela atingir o orgasmo.

A satisfação feminina representa a pedra fundamental do tantra. Muitos tântricos sugerem que no início do jogo amoroso, o homem deve fazer sexo oral à mulher. Uma das posições descritas acima pode ser escolhida para este propósito.

O homem deve beijar apaixonadamente o yoni da sua companheira (yoni é a palavra indiana que significa portal sagrado, se referindo à vulva da mulher), e ela tem que dizer a ele o que mais lhe agrada, guiando-o, para que seja possível experimentar o prazer máximo juntos.

A fim de harmonizar perfeitamente durante o ato amoroso, os dois amantes podem olhar nos olhos um do outro de vez em quando, procurando sentir empaticamente o modo como o outro experimenta o prazer e a alegria da fusão erótica.

Após, a mulher pode subir em cima do homem, sentada ou ajoelhada e ser penetrada por seu parceiro.

Nesta fase o homem tem que estar corretamente atento ao controle da energia sexual. Ele não deve se levantar para melhor penetrar em seu amante, ele tem que permanecer deitado, fazendo a mais poderosa contração da zona pélvica. Isso ajuda a evitar a ejaculação precoce e a descarga energética.

Os tantristas destacam o fato de que a mulher tem que se sentir muito livre, sem preconceitos ou inibições sexuais, para que possa aproveitar ao máximo o prazer do ato amoroso.

É recomendável que ela, inicialmente, adote um papel ativo durante o jogo amoroso com seu parceiro. Quando a mulher atinge o orgasmo, as posturas podem ser alteradas, tentando, no entanto, não interromper o contato íntimo, para experimentar simultaneamente os vários e profundos estados de orgasmo possíveis.

Depois de realizar a postura em que a mulher fica por cima do homem, devem alterar a posição, sendo mais fácil para ambos adotar posturas sexuais sentadas, um de frente para o outro, olhando nos olhos.

Essas posturas não permitem a realização de movimentos muito amplos. A mulher deixa a penetração para seu amante, estando sentada em cima dele, com as pernas em volta do tronco, os seios e os lábios facilmente acessíveis à boca e de forma que as costas e as nádegas podem ser facilmente tocadas pelas mãos dele.

As posturas sentadas asseguram uma maior intimidade e um controle muito bom sobre as energias sexuais.

No caso das posturas tântricas sentadas, onde a mulher fica nos braços do homem, de frente para ele, ela ainda possui controle. A mulher deve fazer a técnica de mula bandha (contração da zona pélvica) e Yoni Mudra (contração dos músculos vaginais) para agarrar ritmicamente o pênis do amante com sua vulva.

Nesta postura, a energia fundamental do ser, Kundalini Shakti, pode ser facilmente despertada e direcionada para cima, ao longo da coluna vertebral.

A sensação experimentada por ambos os amantes é extremamente agradável.

No caso das posturas sentadas é muito simples para a mulher se deitar de costas e pedir ao parceiro que faça amor com ela, estando ele em cima dela. Esta é uma postura em que o homem pode assumir o papel dominante.

Afastando bem as pernas ou empurrando-as para trás, com os joelhos próximos à cabeça, o homem pode penetrar muito profundamente, tocando intimamente a vagina.

Após, os dois amantes podem passar para uma posição “sentados de lado”. Ainda sendo cara a cara, a posição facilita um relaxamento completo e uma fusão íntima dos dois corpos. A atenção agora pode ser orientada sobre a respiração, cada um tentando absorver a respiração do outro, o que levará a um estado de grande intimidade e uma comunhão muito profunda da alma.

Sem recuar, o homem vai virar sua amante para que ela venha de costas para ele. Isso permite que seu pênis toque certas zonas da vulva que não são acessíveis em outras posturas.

Uma vez que esta postura tenha sido experimentada por um tempo suficiente, os dois amantes podem passar com facilidade para a postura 69, de modo que continuem de maneira maravilhosa a celebração erótica. Essa postura, feita no Ocidente por poucos casais, pode facilitar a aparição de alguns estados de orgasmo extremamente poderosos e amplos, experimentados simultaneamente pelos dois amantes.

Kamil Zvelebil, eminente indologista europeu, fez como um de seus trabalhos um resumo dos conselhos que ele mesmo recebeu de um Iogue. Depois de ele dar detalhes referindo-se aos objetivos necessários de um bom estado de saúde – por exemplo, o regime baseado em alimentos frescos e a necessidade de mastigar alimentos muito bem, banhos de sol, respiração profunda e rítmica, oito horas de sono à noite, despido e com a cabeça para o norte, passeios regulares e cultivando uma atitude mental positiva, este iogue também falou sobre Eros (amor apaixonado que emana desejo e atração sexual).

Aqui estão as recomendações que o Iogue fez para Kamil: “Jogos eróticos frequentes e regulares são benéficos. Porém, procure dominar o prazer sexual e não ser seu escravo. Sexo oral-genital não é prejudicial, mas pelo contrário – é frequentemente recomendado. Visualize a si mesmo como sendo Shiva, o criador, e visualize seu amante como sendo sua energia, Shakti. Aproveite o seu jogo de amor e beba o néctar do prazer que flui da sua yoni”.

As cinco posturas básicas, bem como as cinco posturas “elaboradas”, devem ser praticadas de forma suficiente para que a passagem de uma postura para outra seja alcançada com habilidade. Para alguns, os jogos amorosos tornam-se uma dança extática, para outros é necessária mais “coreografia” e um certo período de prática, mas no final o estado de domínio nesta arte de fazer amor será alcançado.

Portanto, pratique e você se tornará mestre do amor tântrico transfigurador.

O que pode ser mais agradável do que fazer amor com o seu amado?

Sexo Tântrico: encontre sua posição favorita

De fato, casais que experimentarão posições básicas de sexo quando fizerem amor poderão ter experiências completamente marcantes.

Mas tenha em mente que o que funciona muito bem com um amante, não necessariamente funciona com outro.

Somos todos diferentes do ponto de vista das manifestações internas, das personalidades, do despertar erótico e, não menos importante, do grau de abertura sexual. Portanto, não se pode afirmar que uma posição que forneceu o máximo de prazer em um relacionamento amoroso pode desencadear o mesmo efeito em outro relacionamento.

É verdade que cada um de nós tem suas posições preferidas de fazer amor, mas para que o ato sexual não se torne chato e monótono, é útil trazermos algo de novo para ele. E, no entanto, é bom procurar primeiro obter bons resultados em uma ou duas das posições básicas, antes de se aventurar por outras mais atléticas ou por novas variações das posições básicas.

A maioria dos casais pratica apenas duas ou três posturas favoritas durante todo o casamento. Mas mesmo as pequenas variações dessas posturas, feitas para melhorar o ato sexual, podem se tornar entediantes em um determinado momento.

É importante manter um equilíbrio entre essa estabilidade conservadora e a abertura “liberal” de tentar algo novo. Com cuidado, amor e paciência na experiência, muitos casais podem rapidamente encontrar formas práticas de fazer amor de tal maneira que ambos os amantes fiquem encantados e contentes.

Sexo Tântrico: aumente o prazer sexual

Independentemente das posições sexuais que você escolher, essas diretrizes ajudarão você a aumentar o prazer durante o ato sexual, confira:

  • A posição eleita permite que você se mova livremente? Na mulher em posições de topo, ela pode se mover com muita facilidade;
  • A postura permite uma penetração profunda? Qualquer posição em que as coxas estejam próximas ao peito permite uma penetração profunda;
  • Ou apenas uma penetração superficial? As posições em que as pernas da mulher estão próximas umas das outras e esticadas na continuação do corpo dela permitirão apenas uma penetração superficial;
  • O homem consegue alcançar o clitóris da mulher e estimulá-lo acariciando-o? Muitas mulheres precisam de estimulação clitoriana direta;
  • O homem é capaz de tocar seus seios? A maioria das mulheres gosta quando seus seios são beijados e acariciados;
  • Você pode olhar seus genitais? Muitas pessoas ficam excitadas por se observarem enquanto fazem amor. Você pode usar espelhos colocados em ângulos favoráveis;
  • A mulher tem a capacidade de alcançar o escroto e o ânus do homem? Infelizmente, muitas mulheres nem pensam nisso, e muitos homens são muito tímidos para pedir isso;
  • A posição estimula o ponto G? As sensações sentidas são extremamente intensas para ambos os amantes;
  • A posição selecionada permite o movimento total dos dois amantes, ou apenas um superficial menos profundo?

Encontre a posição favorita do seu amado e ofereça-lhe muito prazer durante o sexo!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.