Tudo Sobre Massagem

Ir para uma massagem tântrica é traição ou não?

Oi pessoal! Estou honrada que o pessoal do TudoMassagem, possa me oferecer essa oportunidade de postar algumas de minhas opiniões sobre a massagem tântrica, como uma massagista que sou. Sinta-se livre para me fazer perguntas.

Este post abordará uma questão difícil e sensível. É uma questão que muitas vezes me deparo no meu trabalho como terapeuta tântrica.

É por isso que decidi discutir isso aqui em um post no blog e pedir sua resposta.

Muitos dos meus clientes, regulares ou clientes que acabei de ver, estão em um relacionamento. E isso leva à grande questão: será que uma massagem tântrica é trair o parceiro ou não?

Eu acho que não há uma resposta única para essa pergunta. Porque todo mundo vem por um motivo diferente e toda situação é diferente.

Há pessoas que vêm aqui porque o fogo sexual em casa desapareceu. Assim, a massagem regular torna-se “a guardiã da chama”. Sem ela, a sensualidade morre lentamente, sem nutrientes.

Neste caso, as massagens regulares podem manter um relacionamento vivo que caso contrário, sem a presença das massagens tântricas, o relacionamento morreria.

Então, isso realmente pode ser considerado traição ao seu parceiro?

Outros clientes precisam da emoção e da mudança para manter o fogo deles. A alternativa para eles poderia ser não ter relações sexuais ou arrumar um(a) amante, o que dá abertura a possíveis laços emocionais.

Nós todos sabemos que, assim que há laços emocionais envolvidos, torna-se uma forma de traição.

Então, neste caso, ir para uma massagem tântrica regular pode evitar que alguém realmente traia e, novamente, pode manter o relacionamento vivo.

Uma noção interessante é que alguns clientes argumentaram que fazer uma massagem tântrica não é traição porque não envolve sexo ativo na forma sexual e/ou oral.

Eles se sentiriam como traidores ao visitar uma profissional do sexo, mas para eles irem para uma massagem tântrica ou erótica não constitui traição.

Por último, mas não menos importante, existe a visão do parceiro envolvido.

Em um relacionamento íntimo, um parceiro muitas vezes considera qualquer atividade tântrica e/ou sexual que não seja falada como traição.

Alguns parceiros permitem um ao outro a liberdade de ter outros contatos ou experiências, mas isso é diferente para todos.

Se você sabe que o seu parceiro não aceitará que você faça uma massagem tântrica, existem duas possibilidades: você manter a confidencialidade ou não ir. Esta é uma decisão estritamente pessoal.

Eu quero que todos os meus (potenciais) clientes saibam que eu entendo esses problemas.

Mas como massagista eu não posso te ajudar com isso. Quando você vier aqui, eu farei o meu melhor para lhe dar um ótimo momento de relaxamento, mas não posso resolver seu dilema moral.

Se você sentir vontade de falar sobre isso, tudo bem. Eu sou uma boa ouvinte e como eu disse anteriormente, eu não sou crítica.

A decisão de me visitar para receber uma massagem tântrica é sempre pessoal e sua. Não tenho nada a dizer sobre isso!

Eu acredito que é bom discutir essas questões aqui no blog, eu amo ouvir suas reações. Desde o início, a ideia deste Blog é que ele servisse como um meio de comunicação entre todos os meus clientes e eu mesma.

Por favor, sinta-se livre também para responder a outra pessoa o comentário postado aqui no blog.

Desejo-lhe um ótimo dia e até breve!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.